Estudantes, professores e biólogos participam do 1ª Dia de Meio Ambiente

Com o tema Biodiversidade: Sensibilizar é Conscientizar, ação chamou atenção para preservação e conservação da natureza

Helen Oliveira

No dia 19/06, a Câmara Municipal de Barbacena, por uma iniciativa do vereador Thiago Martins (PT) realizou o 1º Dia de Meio Ambiente. Professores, biólogos, estudantes e convidados estiveram presentes e debateram ideias para a preservação e conservação da natureza. Os vereadores Pastor Ewerton Duarte (PMDB) e Edson Resende (PT) também participaram das ações.

Ao dar início ao evento, o vereador Thiago Martins afirmou que “embora o dia do Meio Ambiente já tenha passado, nunca é tarde para se falar de um assunto que precisa ser levado mais a sério. O intuído deste Dia é chamar a atenção para o problema que que tem se tornado obrigação do ser humano”, comentou.

O Dia teve início com o Stand da 13° Companhia de Meio Ambiente e Trânsito da Policia Militar, que expôs para visitação dos populares, animais silvestres empalhados, que atraiu a atenção daqueles que passavam pelo local. Segundo o Cabo Adernir, a Polícia de Meio Ambiente sempre atua para informar à população sobre os cuidados com a natureza e animais, sejam eles silvestres ou não. “Às vezes, as pessoas quando encontram um animal silvestre ficam com medo e acabam matando. Ou, ainda pior, tocam-no e assim são agredidas. Sempre agimos com a intenção de informar sobre as primeiras decisões e nos colamos à disposição”.

Ponto alto do Dia foi a professora e Bióloga, Giselle Assis, que apresentou aos participantes o mundo das cobras. A professora levou para demonstração repteis da espécie jiboia e explicou suas peculiaridades. “Quero ressaltar, que esses animais que aqui estão são meus e de estimação. Mas, não é aconselhável para qualquer pessoa ter. É preciso noção de cuidados e manejos. São animais silvestres e que não podem ser tratados como outro animal de casa, como cachorro”, disse.

Maravilhados, os alunos fizeram perguntas sobre tempo de vida, dieta, troca de pele, armazenamento, cuidados e como adquirir. Segundo a professora, não é fácil adquirir cobras para ter em casa. É preciso registro, autorização e conhecimento.

Iniciando a noite, Delton Mendes, Pesquisador em Ciências Ambientais e Culturais, também representando o Instituto Curupira, mostrou números alarmantes em relação ao desmatamento. “Esse diálogo com o Poder Legislativo é um grande passo para que possam acontecer mais ações como está. É assim mesmo que devemos começar a nos mobilizar”.

Já Jaime Luciano, Gestor Ambiental e diretor do Grupo Brasil Verde, falou dos 8 princípios que devemos ter para a preservação. “Um dos princípios mais importantes é cobrar das autoridades, leis, decretos e resoluções para nos ajudar a preservar aquilo que é de graça”.

Encerrando o ciclo de palestras, o professor da Pós-Graduação do Instituto Federal de Barbacena, Wanderley Júnior, falou da importância de conservar áreas protegidas. “Os benefícios são inúmeros. Devemos preservar para termos alimentos, ar puro e água. Há também os motivos culturais e religiosos. Quero que este Dia, seja para todos os presentes um divisor de águas e que saiamos daqui preparados para defender o Meio em que vivemos e necessitamos dele”, finalizou.

Logos após, vereadores e participantes realizaram uma roda de debates, onde foram discutidos áreas de preservação em Barbacena, leis e projetos.