LEGISLATIVO CRIA COMISSÃO PARA AVERIGUAR PEDÁGIO DE CORREIA DE ALMEIDA

Os vereadores Thiago Martins (PT), Ilson Guilherme Sá (PRB), Joanna Bias Fortes (PDT), Nilton Cézar (PSB) e Vânia Castro (PMDB) terão prazo de 60 dias para apresentar relatório

Desde a instalação do pedágio Via-040, nas proximidades do distrito de Correia de Almeida, os moradores tem realizado diversas manifestações com o intuito de reduzir a cobrança do pedágio para a população que mora naquele local.

A cobrança da via havia sido suspensa, em entendimentos entre moradores, município e a concessionária responsável, por prazo determinado. Com a finalização do prazo, a taxa voltou a ser cobrada e os moradores realizaram diversas manifestações.

Em um dos manifestos, a Tropa de Choque da Polícia Militar foi chamada para intervir na situação, chegando a ser usadas bombas de efeito moral para retirar a população do local. Segundo o vereador, Ilson de Sá (Terere - PRB), a Comissão pretende ouvir todos os lados da questão e buscar uma rápida solução junto ao Poder Executivo e a empresa da via.

Já para o vereador Thiago Martins (PT), “a situação está passando dos limites”. “Entendemos o lado dos moradores, que as vezes precisam refazerem o caminho por mais de três e a cobrança se faz injusta, principalmente com os estudantes e os mais carentes”, disse.

A Comissão Especial terá o praza de 60 dias, improrrogáveis, para apresentação de Relatório ao Plenário. O prazo começou a contar a partir do dia 22/02/17.